Lava Jato

Vazamento entre Moro e MPF confirmam: Lava Jato atuou pelo golpe institucional

11 de junho de 2019

Da redação

 

O jornal The Intercept Brasil revelou registros de troca de mensagens entre Sérgio Moro e o MPF que ilustram e confirmam: a Lava Jato atuou conscientemente em prol do golpe institucional. Se do ponto de vista político essa constatação não representa uma “novidade”, é certo que as provas são reveladoras. Fica claro à arquitetura da prisão arbitrária de Lula, e como isso foi preparado à revelia da própria constituição burguesa.

 

Foto – Reprodução – Esquerda Diário

 

A troca entre o juiz Sérgio Moro e os promotores de acusação do MPF, em especial Deltan Dallagnol, mostra frases desse primeiro sugerindo a alteração das fases da Lava Jato pra emparedar Lula, dando pistas aos procuradores do MPF. Moro cobra Dallagnol como se fosse seu superior.

As mensagens claramente arquitetam a condenação do Lula e mostram que juiz e acusador atuaram em cumplicidade, quando no sistema acusatório do processo penal, as figuras do acusador e do julgador não podem se misturar, pois cabe ao juiz analisar de maneira imparcial as alegações de acusação e defesa. Mas as conversas entre Moro e Dallagnol indicam que Moro se intrometeu no trabalho do Ministério Público – uma ação absolutamente proibida – e foi bem recebido, atuando informalmente como um auxiliar da acusação.

Olá Diante dos últimos . desdobramentos talvez fosse o caso de inverter a ordem da duas planejada (sic)”, escreveu Moro a Dallagnol em fevereiro 2016, referindo-se a fases da investigação.

Em agosto do mesmo ano, depois de decorrido o período de quase um mês sem novas operações da força-tarefa, o ex-magistrado perguntou: “Não é muito tempo sem operação?”. A decisão, em tese, caberia aos investigadores, e não ao juiz do caso.

“É sim”, respondeu Dallagnol, de acordo com o Intercept. A operação seguinte ocorreu três semanas depois do diálogo com o magistrado.

Além dessa, outras fases decisivas da operação também são arquitetadas nas mensagens entre ambos, como o vazamento criminoso da conversa entre Dilma e Lula.

Fonte: Esquerda Diário


World Builder (high quality)

Um vídeo muito bem produzido sobre realidade virtual.


Banner lateral temporário Baner – Feitosa e Leal