Enchentes

Diretor do Palmeiras diz que clube é contra paralisação do futebol brasileiro: ‘É a solução de todos os problemas?’

13 de maio de 2024

Da redação

Diretor de futebol do Palmeiras, Anderson Barros falou na Arena Barueri, logo após a derrota por 2 a 0 para o Athletico-PR, pelo Brasileirão, e trouxe a posição do clube sobre uma possível paralisação do futebol brasileiro por conta da tragédia natural envolvendo as enchentes no Rio Grande do Sul.

Anderson Barros, diretor de futebol do Palmeiras, em coletiva Cesar Greco/ S.E. Palmeiras

Em um pronunciamento, o dirigente afirmou que o Alviverde é conta a paralisação e citou os pontos de reflexão pelos quais o clube tomou esta decisão.

Barros afirmou que o Palmeiras não vê a paralisação como “solução” e citou o “trabalho” como uma forma de encontrar a melhor saída para esta situação de tragédia no sul do país.

Também neste domingo, a CBF (Confederação Brasileira de Futebol), convocou reunião do Conselho Técnico Extraordinária para o dia 27 de maio. Nela os clubes, entre outras coisas, vão deliberar sobre aspectos técnicos das competições, situação de registro e transferência de atletas, questões jurídicas com relação aos acessos às competições como CONMEBOL Libertadores, CONMEBOL Sul-Americana e Mundial de Clubes. Com informações da ESPN.



Banner Marcelino piaui