Sai da degola

Vasco vence e sai dadegola

23 de novembro de 2018

Da redação

 

O Vasco fez São Januário pulsar na noite desta quinta-feira. Jogando com muita alma, o time derrotou o São Paulo por 2 a 0, pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro. Os gols foram do volante Andrey e do meia Yago Pikachu.

 

 

Foto – Reprodução – ESPN

 

Ainda ameaçado pelo rebaixamento, o time cruzmaltino tem agora 42 pontos, na 14ª colocação. Está a quatro pontos do Sport, o primeiro clube na zona da degola, faltando duas rodadas para a conclusão do Nacional.

Nas próximas rodadas, o Vasco jogará com o Palmeiras, que está em busca da confirmação do título brasileiro, em São Januário, já neste domingo, e contra o Ceará, em Fortaleza, time que luta contra a queda, no outro fim de semana.

Se de um lado do jogo o sentimento foi de alivio, do outro foi de total frustração. O São Paulo poderia terminar a rodada dentro do G-4, grupos dos que se classificam diretamente para a fase de grupos da próxima Copa Libertadores.

A equipe do Morumbi tem mais dois compromissos em busca do G-4. Na próxima segunda-feira, receberá o Sport (adversário do Vasco na briga contra o rebaixamento) em casa. Depois jogará com a Chapecoense, em Chapecó, dia 2 de dezembro.

VASCO NO COMANDO

Em situação tensa na tabela, o Vasco mostrou atitude em campo. Buscou o ataque, criou jogadas e marcou o São Paulo de forma dura. Nas arquibancadas, a torcida também refletiu a força do time e deixou o ambiente favorável para a equipe.

Até mesmo Nenê, que jogou no Vasco de 2015 até janeiro deste ano, não foi poupado. Recebeu vaias e xingamentos cada vez que esteve com o controle de bola. É bem verdade que a relação dele com a torcida se desgastou bastante no clube.

E o gol saiu em um erro defensivo do São Paulo. O volante Jucilei tentou sair jogando e tocou a bola sem força para Hudson, na intermediária. O volante Andrey aproveitou, retomou o controle dela e bateu no gol. Jean tentou, mas não alcançou.

Mesmo depois do gol, o Vasco não deixou o São Paulo jogar. Na verdade, a equipe paulistana teve uma grande chance, que foi aos 20 minutos, quando Reinaldo chutou de fora da área. Mesmo assim, a bola desviou e não ameaçou tanto Fernando Miguel.

JOGO DE MARCAÇÃO

Este foi o tom do segundo tempo em São Januário. Para obter os três preciosos pontos, o Vasco buscou se fechar na defesa, com uma marcação dura, explorando os contra-ataques quando possível.

Mas, no geral, o time tricolor ficou muito com a bola e pouco criou.

SUSTOS FINAIS

O Vasco chegou a fazer um segundo gol, aos 40 minutos, mas ele foi anulado pela arbitragem porque Willian Maranhão fez falta em Bruno Alves e Jucilei (saltou por cima dos adversários).

Depois, foi o São Paulo quem quase marcou. Shaylon cobrou falta na área e Rodrigo Caio cabeceou a bola firme para o gol. O goleiro Fernando Miguel salvou um gol certo.

Aos 49, Yago Pikachu deu tranquilidade para a torcida cruzmaltina e fez o segundo do Vasco. Foi uma bela trama ofensiva. Começou com um rápido desarme de Thiago Galhardo em Shaylon. Ele entregou a bola para Yago Pikachu, que tabelou com Máxi Lopez e recebeu na cara do gol. Na sequência, finalizou cruzado e marcou.

Fonte: ESPN



Banner Marcelino piaui