Venda de voto

Eleitor que vende o voto pode ser preso

28 de setembro de 2018

Da redação

Na reta final da campanha eleitoral, o procurador eleitoral Patrício Noé explica que o eleitor que vender o seu voto pode ser preso, caso seja autuado em flagrante delito. Para Noé , certa parcela de eleitores acredita que somente os postulantes a cargos eletivos podem ser penalizados pela compra de de voto.

“O eleitor não deve aceitar promessa de vantagem em busca do seu voto. O eleitor tem que exercer sua cidadania de forma livre e consciente”, esclarece o procurador.

Foto:LucasAraújo/CidadeVerde.com

Fonte: Com informações de Cidadeverde.com



piaui Banner Marcelino