Condenação coletiva

Juiz condena quatro irmãos por crimes de tráfico de droga em Teresina

14 de outubro de 2018

Da redação

O juiz Almir Abib Tajra Filho da 7º Vara Criminal de Teresina condenou quatro irmãos pelos crimes de tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo e receptação de roubo.

O juiz Almir Abib condenou inicialmente dois irmãos, Danilo Tiago Soares Leite a 15 anos e 2 meses em regime fechado e Daniel Reis Soares Leite a 10 anos e 4 meses de prisão, também em regime fechado, os dois foram presos na casa 05, da Quadra 292, no conjunto Dirceu I, onde funcionava uma “Boca de Fumo”.

Almir Abib Tajra Filho, Juiz. Foto – Meionorte.com

Os policiais civis encontraram na casa 691 gramas de cocaína e um revolver calibre 38 dentro de uma caixa de sapato, além de um carregador preto de pistola 380, 16 projeteis e R$ 8.140 em dinheiro. Daniel Reis assumiu ser o dono da arma de fogo e Danilo Tiago assumiu ser dono de dois aparelhos celulares e dois carros.

Danilo Tiago Soares Leite informou em depoimento a justiça que trabalhava em uma churrascaria e que a o revolver é de sua família e o carregador era de um amigo policial que havia deixado o objeto em casa.

Daniel Reis Soares Leite disse que ele e o irmão não eram traficantes de drogas e que a droga apreendida poderia ter sido deixada por outra pessoa que tenha passado na churrascaria.

O Juiz também condenou outros dois irmãos por tráfico de drogas, porte ilegal de armas e receptação de roubo. Os outros dois irmãos identificados como, Daniel Gonçalves de Sousa condenado a 11 anos e 8 meses de prisão em regime fechado na Penitenciária Irmão Guido e Denes Gonçalves de Arimateia Silva condenado a 4 anos e 2 meses de prisão em regime semi-aberto. Ele já está solto, por decisão da justiça.

Daniel Gonçalves de Sousa e Denes Gonçalves de Arimateia Silva foram presos pelos policiais do Grupo de Repressão ao Crime Organizado – GRECO em uma residência localizada no conjunto Vila Maria, na zona Sul de Teresina.

Os policiais chegaram até o local após uma denuncia de que na residência estava funcionando uma “Boca de Fumo”. Filhos de Dona Neusa, Denes Gonçalves e Daniel Gonçalves foram presos com 13 invólucros (plásticos) com 3,1 gramas de cocaína em cada, R$ 100 em dinheiro, um automóvel modelo Punto de placa PID-0208, uma espingarda “Bate Buxa” que é artesanal e material explosivo, além de um aparelhos celulares.

Fonte: Com informações de Meionorte.com



piaui Banner Marcelino