Chuvas

Seis barragens no Piauí já atingiram a capacidade máxima

26 de março de 2019

Da redação

 

Nas últimas semanas, vários municípios piauienses têm sofrido danos devido à ação das fortes chuvas que acometeram o estado.

 

 

Foto – Reprodução – Viagora

 

Parnaíba, um dos municípios mais afetados, já registra mais de 100 famílias desabrigadas em razão de alagamentos e inundações causadas pela chuva. No total, são 110 famílias desabrigadas ou desalojadas, com 83 delas em casas de parentes e 27 em abrigos da Prefeitura Municipal. Cerca de 85 famílias ainda estão vivendo em áreas de risco.

Além das inundações nas zonas urbanas, as chuvas intensas geraram preocupação acerca dos açudes de barragens no Piauí, com seis deles já tendo atingido 100% de sua capacidade total.

As barragens situadas em Valença do Piauí, Campo Maior e Piracuruca, de responsabilidade do Instituto de Desenvolvimento do Piauí (Idepi), estão sendo monitoradas após atingirem a capacidade máxima e iniciarem o processo de sangramento.

Em entrevista à TV Cidade Verde, o diretor do Idepi, Geraldo Magela, afirmou que o sangramento dos açudes está ocorrendo de maneira normal e com segurança.

“O açude de Piracuruca está sangrando dentro das estimativas normais e sem oferecer riscos à população. Em Valença, está da mesma forma. A situação lá é diferente porque há um complexo turístico construído no canal do sangradouro, oferecendo riscos. Mas essas construções foram realizadas de maneira ilegal, sem autorização, em uma área indevida. As pessoas que vivem e trabalham ali já foram notificadas e devem se retirar, assim como retirar as construções, imediatamente”, disse o diretor.

Geraldo Magela explicou que o Idepi seguirá monitorando todas as barragens de sua responsabilidade e que existe um plano de atuação para emergências.

“É importante ressaltar que toda barragem foi feita para acumular água e também para vertê-la quando atingir a sua capacidade máxima. E é isso que está acontecendo com esses reservatórios, de acordo como projetado e em situação normal. Estamos realizando o monitoramento e assim continuará sendo feito”.

O diretor ainda ressaltou que a apenas alguns dos reservatórios do Idepi atingiram a capacidade máxima, sendo que a maioria das barragens, especialmente os situados no Sul do estado, ainda estão abaixo dos 50% do nível total.

Fonte:  Viagora



piaui Banner Marcelino