Brasileirão

Flamengo vence o Inter e segue na frente no Brasileirão

26 de setembro de 2019

 

Da redação

 

O Flamengo segue imparável no Campeonato Brasileiro. Nesta quarta-feira, bateu o Internacional no Maracanã pelo placar de 3 a 1 e segue isolado na liderança da competição. De quebra, a equipe chegou à décima vitória seguida como mandante, viu Arrascaeta fazer história e chegou ao incrível número de 100 gols na temporada até aqui.

 

Gabigol chega a 18 gols no Brasileiro -Foto – Alexandre Vidal/Flamengo

E a rivalidade entre Flamengo e Internacional teve mais um capítulo nesta quarta-feira. Após o confronto do primeiro turno que terminou com vitória do Inter e dos dois confrontos pela Libertadores que terminaram com os cariocas avançando de fase, foi o quarto duelo entre as equipes. E com muita polêmica e confusão. Expulsões, clima quente, e jogo que no final acabou com vitória flamenguista.

HOJE TEVE GOL DO GABIGOL

Já virou rotina. Tem jogo do Flamengo e gol do Gabigol. E ele não demorou a sair. Aos 14 minutos, o juiz assinalou pênalti de Bruno em cima de Gabigol após o atacante driblar Marcelo Lomba e ficar com o gol livre. O árbitro, após consultar o VAR, expulsou o lateral do Inter. Na cobrança não teve como. Bola de um lado e goleiro do outro.

O Internacional, na única vez que chegou com perigo, reclamou de pênalti de Rodrigo Caio em cima de Guerrero dentro da área.

EMPATE NA RAÇA

E o Internacional, mesmo com dois jogadores a menos, chegou ao empate. Patrick acreditou na jogada, ganhou de Willian Arão e Rodrigo Caio e achou Edenílson, que chegou finalizando na entrada da área. A bola desviou em Gerson e tirou completamente Diego Alves da jogada.

Só que não deu nem tempo de o torcedor do Internacional comemorar o empate. O Flamengo seguiu a pressão e chegou ao gol com um tento histórico de Arrascaeta. Rafinha cruzou na área e o uruguaio subiu contra dois marcadores do Inter para cabecear firme no o gol. Foi o 32º gol de Arrascaeta em Campeonatos Brasileiros, se tornando o uruguaio que mais marcou na competição. Ele ultrapassou Pedro Rocha, que tinha 31.

PARA FECHAR O TRIO

Gabigol e Arrascaeta tinham feito gol, faltava Bruno Henrique para fechar o trio. E ele veio. Rafinha cruzou, o uruguaio só deu um tapa para dentro da pequena área onde estava Bruno Henrique, com o gol livre. 19º gol do atacante na competição, em 43 jogos, para fechar mais uma vitória do Flamengo na competição.

 

Do ESPN



piaui Banner Marcelino